quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Qual mãe nunca se perguntou...Será o que o meu filho está comendo a quantidade suficiente?

Atualmente comer bem não quer dizer comer muito e sim, comer quantidades corretas e necessárias para o bom desenvolvimento do seu organismo. Muitos pais se preocupam porque seu filho não come tanto quanto eles gostariam, lembre-se que as crianças são muito menores que os adultos, sendo assim, elas comem menos e em porções menores. Algumas dicas podem ajudar na hora da formação do hábito alimentar do seu filho: 1 ° Tal pai, tal filho – as crianças tem o hábito de imitar seus pais, seja no comportamento, seja na alimentação, sendo que pais que tem o hábito de comer verduras, legumes e frutas vão incentivar naturalmente seus filhos ao mesmo consumo; 2 ° O perigo pode estar dentro da lancheira – se preocupe com o que ele está levando para a escola, prepare refeições saborosas, coloridas, pois o incentivo visual é muito importante, frutas, barras de cereais e cookies integrais são boas opções; 3 ° Evite refeições ricas em açúcar - Nosso organismo não precisa de mais açúcar do que aquele encontrado naturalmente nas frutas. Mas como resistir aos doces? O jeito é consumi-los sem exageros e ensinar as crianças a fazer o mesmo. A inserção do hábito de comer doces somente aos finais de semana pode ser uma boa opção. Dê preferencia sempre aos doces de fruta assim como a gelatina pode ser incrementada com frutas ao invés de leite condensado e nada de substituir o açúcar por adoçante como é sugerido para os adultos, o correto é desde cedo ensinar que se pode comer de tudo, dependendo da frequência e quantidade que se consome. Autor(a): Dra. Ariana Galhardi Lira
Nutricionista

Nenhum comentário:

Postar um comentário